segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Entre 4 paredes





Tem tanta coisa que eu preciso te falar
Coisas minhas que talvez nem queiras ouvir
Já faz tempo que estou a te esperar
Desde a noite em que te vi partir

Mas não estás aqui e eu preciso conversar
Eu falo pras paredes tudo que estou a sentir
E insisto que tu já vais chegar
Antes mesmo de eu voltar a me repetir

Tem tanta coisa que eu queria te falar
Coisas nossas que talvez nem queiras ouvir
Aquele “eu te amo” que a voz teima em calar
E os nossos planos que insisto em seguir

Mas não estás aqui e eu preciso aceitar
Que as paredes também não podem me ouvir
Tem certas coisas que o coração deve calar
E tem amores que devemos desistir...

Um comentário:

  1. Versos muito sentidos. O caminho da aceitação em rimas! Muito belo!

    ResponderExcluir

Compartilho contigo meus sentimentos e emoções, minhas verdades. Tua opinião e sugestão é importante para mim, deixe seu recado. Beijo carinhoso no coração. Rê